Plástico verde é 10 vezes melhor que ABS

08
Abril
 
 

10 vezes melhor que ABS

Pesquisadores dos Laboratórios ORNL, nos EUA, usaram um derivado da madeira para construir um plástico híbrido cujo conteúdo é 50% renovável.

O termoplástico, um material com uma série inumerável de aplicações, foi fabricado substituindo o derivado do petróleo estireno pela lignina, um polímero natural que, juntamente com a celulose, forma as paredes celulares das plantas.

Para isso, Chau Tran e seus colegas desenvolveram um processo de fabricação que dispensa os solventes para interconectar partes iguais de lignina e borracha sintética.

O resultado é um plástico híbrido moldável, fundível e dúctil que é pelo menos 10 vezes mais resistente do que o termoplástico mais usado no mercado, o ABS - sigla dos termos em inglês para acrilonitrila, butadieno e estireno (Acrylonitrile, Butadiene and Styrene).

Plásticos renováveis

Os testes iniciais mostraram que o material pode não apenas ser reciclado, como pode ser reutilizado, sendo refundido pelo menos três vezes sem perder as propriedades originais.

"Nós podemos chamá-lo de um produto verde porque 50% do seu conteúdo é renovável, e a tecnologia que permitirá sua exploração comercial irá reduzir a necessidade de petroquímicos," disse o professor Amit Naskar, coordenador da equipe.

Naskar afirma que o trabalho continuará em busca de outras matérias-primas renováveis que possam ser utilizadas na composição deste e de outros tipos de plásticos.

 
 

Voltar

 
Newsletter
 

BakelitSul Acessórios Industriais


Componentes padronizados para máquinas e equipamentos

Rua Jacob Luchesi, 2135 - 95032-000 Bairro Santa Catarina - Caxias do Sul - RS - Brasil